Móbiles tácteis

foto1

Primeiramente desculpem a ausência nesses dias sem postagem, mas foi por um ótimo motivo! Nasceu nosso segundo filho, Vicente, na manhãzinha da terça-feira. Bebê lindo e saudável que esperou a madrugada do primeiro dia da lua cheia para mandar sinais da sua vinda. Em breve fotos do caçula por aqui também.

Depois dos dois primeiros meses de vida da criança é extremamente interessante trocar os móbiles visuais (ver postagem) pelos mobiles tácteis. Com eles, o bebê consegue ir percebendo que seus movimentos, cada vez menos aleatórios, afetam o objeto. Usamos dois modelos aqui em casa: guizo e argola. O de guizo (foto) é muito legal porque ao tocar nele o bebê recebe dois estímulos, visual e sonoro. Infelizmente não tenho foto de Isa usando o de argola. Prometo tirar foto com Vicente usando e editar a postagem em breve.

foto2

É importante que esses móbiles sejam apropriados para este fim. Não tente usar um móbile visual como tátil, existem várias opções no mercado. Eu escolhi esses porque achei lindos, delicados e suaves. Comprei nessa loja (Esclarecimento) porque a madrinha de Isa vinha dos EUA na época. Ainda não tenho referencias dessa loja brasileira, mas pela foto o móbile parece de boa qualidade. Aqui no blog Esmênia Lima tem um DIY (faça você mesmo).

A instalação do móbile também deve ser bastante segura, de preferência um parafuso pitão preso ao teto. Meu marido mesmo fez lá em casa e foi tranquilo. No caso dos táteis, já não recomendaria mais fazer aquele improviso que citei na primeira postagem de Móbiles  (de pendurar no tapete de atividades).

O efeito dos móbiles táteis sobre as crianças é encantador, aos poucos ela vai se esforçando em controlar os movimentos para tentar alcançar e segurar o objeto. Os dois que compramos têm um elástico no final, o que possibilita o momento triunfal do bebê que é de leva-lo à boca. Atenção redobrada na qualidade desses produtos.

Pronto, depois de estabelecida essa relação entre visão e tato, o bebê entra num novo terreno de desenvolvimento, onde os chocalhos serão o próximo passo. Falarei deles numa postagem em breve, quando comentarei sobre o conceito (mão-cérebro) que se iniciou no seu bebê agora e que é muito importante em Montessori.

4 comentários sobre “Móbiles tácteis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s