Quem é consumista?

maec-20160914

Crianças consumistas são um reflexo da nossa sociedade de consumo. Acho que todo mundo concorda com isso. O que quero refletir hoje é como nós pais podemos adiar um pouco a entrada de nossas crianças nesse padrão mercadológico para que já tenham um pouco mais de consciência sobre as opções que estão fazendo. Involuntariamente temos tomado decisões por eles que levam a essa participação precoce do consumo. Veja algumas delas na postagem de hoje.

Aqueles minutos que colocamos a criança na frente da TV para assistir um programa que até consideramos educativo, o que passa nos intervalos? Segundo pesquisa da TNS,  83% das crianças são influenciadas pela publicidade. As crianças pequenas nem sequer conseguem distinguir a diferença entre programa e publicidade e já estão sendo bombardeadas. Aqui em casa evitamos ao máximo a TV, já falei disso em outras postagens, mas aqueles pais que optam por oferecer momentos de TV pra seu filho podem priorizar DVD ou os programas “on demand” para evitar a propaganda.

consumismo-infantil-numerosVocê sabia que personagens famosos são responsáveis por 72% das decisões de compras das crianças? Quando fazemos um aniversário temático da Dora, compramos a mochila da Peppa Pig, o velotrol da Barbie, etc, naturalizamos seu consumo. Se quando as crianças ainda não pedem já estamos comprando produtos de personagens, como julgá-las quando começam a pedir? Em muitas escolas Montessori ao redor do mundo, as crianças não podem usar mochilas, lancheiras ou roupas de personagens porque viram elementos de distração. E não é que estamos limitando a imaginação da criança. Tenho uma amiga que o filho já foi fissurado em cowboy, em ninja e provavelmente agora já é outra coisa, mas sem um personagem específico. Existem tantos temas de aniversário sem personagem (primavera, piquenique, circo, bailarina…) só precisamos estar mais conscientes. Até nosso lazer pode estar condicionado e acabamos pagando para levar os filhos para a peça ou o show daquele personagem. Sabemos que a criança é um público vulnerável ao consumo, mas as vezes não nos damos conta que também estamos sendo pegos desprevenidos e levando eles junto.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s